“Adjetivos são espelhos. É idiota chamar alguém de idiota e é inteligente chamar alguém de inteligente.”



Pense em todas as vezes que xingou alguém, como se sentiu? Nervoso, furioso, fora de controle. Pense em todas as vezes que elogiou alguém, como se sentiu? Feliz, agradável, cordial.

Gostaria de ser uma pessoa de qual dos grupos? Gostaria de ser visto como uma pessoa de qual dos grupos? A imagem que passamos aos outros é a imagem que emanamos, temos total responsabilidade por ela.

Mesmo quando xingamos a TV, a seleção, o Galvão, nos tornamos pessoas pouco inteligentes e sem compreensão. Mandar para aquele lugar não vai mudar a realidade. Use argumentos.

As vezes um xingamento pode trazer um alívio momentâneo. Porém, não deve ser direcionado a ninguém específico. Nem a você mesmo. Sua imagem de si próprio também é muito importante. Nunca se menospreze, só piora a situação. Experimente acreditar ser um ser iluminado, predestinado a ser feliz. Parece idiota e presunçoso, mas é uma estimativa ingênua.

Elogie-se. Marque os momentos que fez algo que deu certo. Vivemos numa sociedade que dramatiza os momentos ruins, não seja esta pessoa. Foque no lado bom da vida.



Postar um comentário